Fios faciais

Sobre

Um dos procedimentos comuns da harmonização orofacial é o uso dos fios faciais ou fios de PDO (polidioxanona) para levar a um efeito tensor na face, levando a um estímulo da pele à produção de colágeno e elastina, favorecendo melhor aparência em:

  • rítides labiais;
  • rugas entre as sobrancelhas (procedimento mais seguro que o preenchimento com ácido hialurônico);
  • sulcos nasolabiais e rugas causadas por envelhecimento natural.

Procedimento

É um método realizado no próprio consultório, com anestesia local e sem cortes. Utiliza suturas aplicadas abaixo da pele para tensionar os tecidos da face e recuperar a função muscular que declina com a idade.

Cada fio é colocado por meio de microcânula e fica alojado no tecido subcutâneo (gordura), não causando ondulações na face. Não é visível ou palpável e é reaborvível, deixando resultado de melhora na qualidade da pele ao longo do tempo.

Indicação

A principal indicação do fio é combater a flacidez facial, melhorando as rugas, a qualidade da pele e os sulcos faciais. Portanto, pode ser realizado por pacientes que buscam melhorar a flacidez da pele da face e do pescoço.